LOGIN
SENHA
  Segurança na Infância  
ACIDENTES NA INFÂNCIA: saiba como evitar.

Autor: Dr. Roberto Tschoepke Aires CREMERJ 52.67989-5
Pediatra
robertaires@hotmail.com

Segundo dados do DATASUS do Ministério da Saúde os acidentes e a violência ocupam juntos o primeiro lugar dentre as causas de morte e de seqüelas permanentes na faixa etária compreendida entre 1 e 19 anos.

Os acidentes não ocorrem por acaso. A maioria deles pode ser evitada com medidas simples, seja por pequenas modificações do ambiente doméstico, seja pela incorporação de hábitos mais seguros no que se refere à prevenção de acidentes.

Veja a seguir alguns exemplos de como evitar os acidentes mais comuns, de acordo com a faixa etária de seu filho:

     
  Do nascimento ao 6º mês
  Do 6º mês ao 12º mês
  De 1 a 2 anos
  De 2 a 5 anos
  De 5 a 8 anos
  De 8 a 12 anos
 
 
Do nascimento ao 6º mês

Ausência de coordenação motora para se livrar de situações perigosas:

Acidentes de carro - O lactente já deve sair da maternidade transportado em cadeirinha “tipo conchinha”, presa pelo cinto de segurança do automóvel.

Quedas – Atenção à altura do berço. Manter sempre as grades do berço travadas. O espaço entre as barras não deve ser maior que 8 cm. Nunca deixe uma criança sozinha sobre a mesa de troca de roupas/fraldas.

Queimaduras – Nunca manuseie líquidos e objetos quentes com a criança no colo. Verifique a temperatura da água do banho com o cotovelo (temperatura agradável). Atenção à temperatura de alimentos aquecidos em forno microondas: seu aquecimento é irregular, podendo haver áreas mais quentes que outras.

Afogamento – Nunca deixe a criança sozinha na banheira.

Intoxicações – Use apenas medicamentos prescritos pelo médico e preste atenção à dose recomendada.

Engasgo/Asfixia – Nunca deixe no interior do berço objetos que possam causar sufocação, como sacos, cobertores soltos, objetos pequenos (como alfinetes de fraldas e botões) e brinquedos que soltem pedaços.

 
Do 6º mês ao 12º mês

Maior capacidade de movimentos:

Engasgo/Asfixia - Mantenha fora do alcance das crianças, cordões e sacos plásticos que possam sufocar além de objetos pequenos que possam ser engolidos. Não oferecer pedaços grandes de alimentos.

Acidentes de carro - Use sempre a cadeira de transporte apropriada, seguindo as orientações corretas.

Quedas – Atenção à altura do berço. Manter sempre as grades do berço travadas. O espaço entre as barras não deve ser maior que 8 cm. Nunca deixe uma criança sozinha sobre a mesa de troca de roupas/fraldas. Coloque telas ou grades em todas as janelas, assim como portões nas escadas. Remova móveis instáveis ou pontiagudos. Não use andador.

Intoxicações – Guardar remédios e produtos de limpeza em armários trancados e longe do alcance das crianças. Mantenha os produtos tóxicos em suas embalagens originais. Tenha sempre a mão o telefone do médico e do Centro de Intoxicações.

Afogamento – Manter supervisão constante em áreas de piscina, praia, rios, lagoas. Cercar a área da piscina (coletivas ou particulares). Seguir as orientações do guarda vidas. Não confiar em bóias ou outros equipamentos de flutuação. Nunca deixe a criança sozinha na banheira.

Queimaduras - Nunca manuseie líquidos e objetos quentes com a criança no colo. Verifique a temperatura da água do banho com o cotovelo (temperatura agradável). Atenção a temperatura de alimentos aquecidos em forno microondas: seu aquecimento é irregular, podendo haver áreas mais quentes que outras. Evite a entrada da criança na cozinha. Dê preferência ao uso de álcool gel.

 
De 1 a 2 anos

Já andam bem e correm, ampliando seus limites de deslocamento e risco de se por em situação de perigo:

Engasgo/Asfixia – Não dê brinquedos que soltem pedaços pequenos e não ofereça alimentos duros como castanhas, pipoca, amendoim ou goma de mascar. Mantenha fora do alcance das crianças, cordões e sacos plásticos que possam sufocar além de objetos pequenos que possam ser engolidos. Não oferecer pedaços grandes de alimentos.

Acidentes de carro - Use sempre a cadeira de transporte apropriada, seguindo as orientações corretas.

Quedas - Atenção à altura do berço. Manter sempre as grades do berço travadas. O espaço entre as barras não deve ser maior que 8 cm. Nunca deixe uma criança sozinha sobre a mesa de troca de roupas/fraldas. Coloque telas ou grades em todas as janelas, assim como portões nas escadas. Remova móveis instáveis ou pontiagudos. Não use andador.

Intoxicações - Guardar remédios e produtos de limpeza em armários trancados e longe do alcance das crianças. Mantenha os produtos tóxicos em suas embalagens originais. Tenha sempre a mão o telefone do médico e do Centro de Intoxicações.

Afogamento - Manter supervisão constante em áreas de piscina, praia, rios e lagoas. Cercar a área da piscina (coletivas ou particulares). Seguir as orientações do guarda vidas. Não confiar em bóias ou outros equipamentos de flutuação. Nunca deixe a criança sozinha na banheira.

Queimaduras - Nunca manuseie líquidos e objetos quentes com a criança no colo. Verifique a temperatura da água do banho com o cotovelo (temperatura agradável). Atenção a temperatura de alimentos aquecidos em forno microondas: seu aquecimento é irregular, podendo haver áreas mais quentes que outras. Evite a entrada da criança na cozinha. Dê preferência ao uso de álcool gel. Usar protetor de segurança nas tomadas.

Atropelamento – Obedecer as leis de trânsito. Dar sempre as mãos ao andar na rua.

 
De 2 a 5 anos

Brincam em grupo, tem “pensamento mágico”, falta de noção de perigo:

Acidentes de carro - Use sempre a cadeira de transporte apropriada, seguindo as orientações corretas.

Quedas - Coloque telas ou grades em todas as janelas, assim como portões nas escadas. Remova móveis instáveis ou pontiagudos. Atenção à altura dos brinquedos dos parquinhos. A bicicleta deve ser de tamanho adequado e a criança deve pedalar sempre de capacete.

Intoxicações - Guardar remédios e produtos de limpeza em armários trancados e longe do alcance das crianças. Mantenha os produtos tóxicos em suas embalagens originais. Tenha sempre a mão o telefone do médico e do Centro de Intoxicações.

Afogamento - Manter supervisão constante em áreas de piscina, praia, rios, lagoas. Cercar a área da piscina (coletivas ou particulares). Seguir as orientações do guarda vidas. Não confiar em bóias ou outros equipamentos de flutuação. Nunca deixe a criança sozinha na banheira.

Queimaduras - Nunca manuseie líquidos e objetos quentes com a criança no colo. Evite a entrada da criança na cozinha. Dê preferência ao uso de álcool gel. Mantenha fósforos e cigarros longe do alcance da criança. Colocar panelas na boca de trás do fogão e com o cabo voltado para trás. Usar protetor de segurança nas tomadas.

Atropelamento – Obedecer as leis de trânsito. Dar sempre as mãos ao andar na rua.

Armas de fogo – Não tenha armas em casa.

 
De 5 a 8 anos

Curiosidade exacerbada, desatenção frente a situações de perigo:

Acidentes de carro – O transporte deve ser feito com um banquinho auxiliar (Booster) que permita a elevação da criança de modo que ela fique presa corretamente pelo cinto de segurança de três pontos do automóvel.

Quedas - Usar bicicleta de tamanho adequado e pedalar sempre de capacete. Usar equipamentos de proteção para patins e skates.

Intoxicações - Guardar remédios e produtos de limpeza em armários trancados e longe do alcance das crianças. Mantenha os produtos tóxicos em suas embalagens originais. Tenha sempre a mão o telefone do médico e do Centro de Intoxicações.

Afogamento - Manter supervisão constante em áreas de piscina, praia, rios, lagoas. Cercar a área da piscina (coletivas ou particulares). Seguir as orientações do guarda vidas. Não confiar em bóias ou outros equipamentos de flutuação. Ensinar a nadar.

Atropelamento – Obedecer as leis de trânsito. Dar sempre as mãos ao andar na rua.

Armas de fogo – Não tenha armas em casa.

 
De 8 a 12 anos

Comportamento de grupo:

Acidentes de carro – Usar o cinto de segurança de três pontos no banco traseiro. O cinto deve se posicionar sobre as proeminências ósseas: cristas ilíacas (ossos do quadril) e ombro. Discutir sobre o uso de drogas e seus efeitos no motorista.

Quedas - Usar bicicleta de tamanho adequado e pedalar sempre de capacete. Usar equipamentos de proteção para patins e skates. Usar sempre equipamentos de segurança nos esportes.

Afogamento - Ensinar natação e seguir as orientações do salva vidas.

Atropelamento – Obedecer às leis de trânsito.

Armas de fogo – Não tenha armas em casa.

 

 

Responsabilidade Social | Política de Privacidade | Fale Conosco
©2006 Baby Bag - Clube Baby Bag - Todos os direitos reservados.